Menos trabalhadores portugueses em Espanha


O número de trabalhadores portugueses em Espanha continua a diminuir, confirmando a tendência de descida dos últimos quatro anos.

O número de trabalhadores portugueses registados em Espanha era, no final de fevereiro, de 39 802, menos 231 que no final de janeiro.

Com esta descida verificada em fevereiro, o número de trabalhadores estrangeiros em Espanha acumula a sétima queda mensal consecutiva. Entre o conjunto dos imigrantes a trabalhar em Espanha, a descida anual foi de 5,31%.

Em termos anuais, a descida do número de trabalhadores portugueses em Espanha é muito mais pronunciada do que entre a média dos estrangeiros, segundo os dados divulgados pelo Ministério do Emprego e Segurança Social espanhol.

No final de fevereiro, e entre os trabalhadores portugueses, 33.550 estavam no regime geral, 5.838 por conta própria (autónomos em Espanha), 396 no setor do mar e 18 no setor do carvão.

Salvo exceções pontuais, o número de trabalhadores portugueses em Espanha tem vindo a cair progressivamente nos últimos anos, depois de ter chegado, antes da crise, a ser o segundo maior efectivo entre os cidadãos da União Europeia.

fonte:http://www.cmjornal.xl.pt/n


publicado por adm às 20:44 | comentar | favorito
tags: