Quais são os 6 critérios para despedir. O que está em causa

Antiguidade

Depois da decisão do Tribunal Constitucional, a antiguidade voltou a ser o critério relevante na escolha do trabalhador a despedir em caso de extinção de posto de trabalho. Neste critério cabem a idade, a antiguidade na empresa, na categoria ou na carreira.

Habilitações
Se a proposta do Governo avançar tal como está, as empresas podem usar as habilitações literárias e profissionais dos trabalhadores para escolher quais pretendem manter e quais vão despedir.

Experiência
Oficialmente a experiência profissional de uma pessoa passa a ser tida em conta no momento de proceder a uma extinção de posto de trabalho. Tiago Cortes, sócio da PLMJ, considera lógico que este critério seja tido em conta numa situação destas.

Avaliação
De uma forma geral os juristas consideram que faz sentido ter em conta a avaliação de desempenho dos trabalhadores quando está em causa escolher quem fica e quem sai.

Custo do trabalhador
Na hora de despedir, a empresa pode justificar a sua escolha com base naquilo que paga ao trabalhador. Os juristas dividem-se neste requisito: Tiago Cortes entende que o critério é justificável; Fausto Leite avisa que viola o princípio da igualdade.

Família
A situação familiar do trabalhador pode ser tida em conta pela empresa quando chega o momento de escolher. Os juristas compreendem o critério, mas dizem que tem de ser detalhado.

 

fonte:http://www.dinheirovivo.pt/

publicado por adm às 21:56 | comentar | favorito